Google Tradutor

Quem sou eu

Minha foto
Espírito Santo, Brazil
Professora Educação Infantil. Costumo ser reservada e tímida, ás vezes gosto de ficar sozinha. Vivo o presente. Sou do tipo de pessoa que vive o “aqui e agora”. Não gosto deixar nada pra depois. Preciso de liberdade e independência para fazer minhas próprias coisas. Alegria sempre. Nada de ficar reclamando das dificuldades. Deus conhece nossa capacidade. "Posso não saber o quanto vou ter que caminhar, mas eu continuarei andando e sorrindo. Vou aprendendo a viver e a conviver. Levo comigo uma bagagem cheia de decepções, momentos felizes e alguns não muito.. meus erros, minhas lágrimas, minhas derrotas e vitórias... Não quero ser perfeita , eu quero é cair e levantar rindo... levantar e limpar as mãos e os joelhos e me preparar para correr de novo ,dessa vez mais rápido ainda. Se não quiser que eu te decepcione não faça demasiadas expectativas..."

Marcadores

sábado, 15 de outubro de 2011

Professor, Parabéns!

Nesta data tão especial, ao invés de deixar uma simples mensagem aos meus colegas de profissão, resolvi deixar um depoimento pessoal.
Desde pequenina eu sonhava em ser professora, me divertia brincando de escolinha sendo professora das minhas amigas, me espelhando nas professoras que tive na infância.
Durante quatro anos fiz magistério numa sala super-animada com 45 mulheres (wouuu, rsrs), estagiando durante à tarde em outras escolas próximas, além de também cursar o processamento de dados à noite (à pedido dos meus pais)... Pois é, praticamente só estava em casa à noitinha pra dormir. Foi bem desgastante essa rotina, mas também muito gratificante.
Comecei minha profissão numa classe de ensino fundamental com muita dificuldade... iniciante e inexperiente, não tive muita ajuda pedagógica, mas isso só me fortaleceu pra continuar nessa carreira maravilhosa que  tanto fascinava-me.
Concluí minha faculdade com muitos obstáculos: problemas na instituição, pessoas negativas, problemas de saúde na família, época em que pensei em desistir e só de lembrar minhas lágrimas correm em meu rosto. Agradeço muito a grandes amigas que fiz neste período. Devo muito aos meus pais que me permitiram concluir essa etapa da vida, sempre me incentivando quando mais precisava de seu apoio. Nunca esquecerei o momento que tive sua presença na apresentação de minha monografia e, quando vi a expressão em seus rostos, na colação de grau, de ter uma filha formada na faculdade e “PROFESSORA”.
Desde então, durante sete anos, tenho trabalhado com pessoas maravilhosas que engrandeceram (e engrandecem) minha formação profissional e pessoal. Aprendi a ser professora, e tenho encontrado a felicidade em coisas simples, num beijinho, num olhar carinhoso, num desenho sem forma feito num papelzinho rasgado de meus alunos... Sofro com a vida sofrida de alguns e me divirto com as soluções simples que têm para a vida.
Só tenho a agradecer a Deus por ter me guiado até aqui, por colocar em meu caminho pessoas tão especiais que sempre me deram carinho, reconhecimento e grandes alegrias.


Àqueles que nos ensinaram muito mais que teorias,
Que nos preparam também para a vida,
Todo meu carinho e gratidão.
Professor, parabéns pelo seu dia!

Um comentário:

  1. Seu blog ta bombando.Fina lindo seu depoimento,me emocionei com a sua história de amor pela educação.Desejo que sempre continue com este entusiasmo pela arte de ensinar.Parabéns
    De sua amiga claudia

    ResponderExcluir

Obrigada por comentar sobre este post!

Comentário será liberado após moderação; caso faça agressão gratuita poderá ser excluído. Evite escrever em letras maiúsculas.

Beijinhos sabor chocolate! Paz em seu coração!

Aguardando a chegada de Otavio.

Aguardando a chegada de Otavio.
Abençoada seja sua vinda, meu filho!

Foto: meu amor Anderson

Foto: meu amor Anderson

Foto: pais Josedino e Conceição

Foto: pais Josedino e Conceição

botão redes sociais