Google Tradutor

Quem sou eu

Minha foto
Espírito Santo, Brazil
Professora Educação Infantil. Costumo ser reservada e tímida, ás vezes gosto de ficar sozinha. Vivo o presente. Sou do tipo de pessoa que vive o “aqui e agora”. Não gosto deixar nada pra depois. Preciso de liberdade e independência para fazer minhas próprias coisas. Alegria sempre. Nada de ficar reclamando das dificuldades. Deus conhece nossa capacidade. "Posso não saber o quanto vou ter que caminhar, mas eu continuarei andando e sorrindo. Vou aprendendo a viver e a conviver. Levo comigo uma bagagem cheia de decepções, momentos felizes e alguns não muito.. meus erros, minhas lágrimas, minhas derrotas e vitórias... Não quero ser perfeita , eu quero é cair e levantar rindo... levantar e limpar as mãos e os joelhos e me preparar para correr de novo ,dessa vez mais rápido ainda. Se não quiser que eu te decepcione não faça demasiadas expectativas..."

Marcadores

educação (85) 2011 (56) atividade (50) relatório (50) comportamento (42) arte (39) 2010 (38) desenvolvimento (38) Educação Infantil (36) produto testado (35) 2012 (34) informação (34) maquiagem (33) criatividade (32) bebê (29) mensagem (29) 2013 (28) 2009 (25) avaliação (24) 2019 (20) cosmético (16) 2018 (15) infantil (15) 2015 (14) 2017 (14) blog (14) 2016 (13) filho (12) estilo (11) 2014 (10) Otávio (10) coordenação motora (10) culinária (10) alfabetização (9) conteúdo (8) história (8) Lettering (7) vídeo (7) 2008 (6) brincadeira (6) cores (5) gravidez (5) pintura (5) saúde (5) 2020 (4) Cecília Meireles (4) autismo (4) berçário (4) doença (4) educação especial (4) gestação (4) lei (4) páscoa (4) sorteio (4) borda (3) contagem (3) curiosidade (3) filme (3) lembrancinha (3) livro (3) música (3) receita (3) Mary Kay (2) Posca (2) Vinícius de Moraes (2) aniversário (2) cabelo (2) educação fundamental (2) forma geométrica (2) fralda (2) mural (2) máscara (2) olhos (2) rímel (2) saúde bucal (2) Cora Coralina (1) Jequiti (1) Stabilo (1) alfabeto (1) brinquedos (1) caligrafia (1) capa (1) cartaz (1) cartão (1) cirurgia (1) creme (1) diário digital (1) dobradura (1) eletrodoméstico (1) esmalte (1) estilo sobrancelha (1) faixa (1) gelatina (1) greve (1) jogo (1) kit (1) lenço (1) moda (1) mordida (1) móbile (1) natal (1) obras (1) pais (1) parlenda (1) pomada assadura (1) projeto (1) quebra cabeça (1) regras (1) sobremesa (1) sucata (1) tireóide (1) técnica (1) água (1)

sexta-feira, 6 de agosto de 2010

Cílios de boneca? Curvex neles!

Dificilmente vamos encontrar alguma matéria referente à origem do curvex, apesar de milhões de sites falam de marca “x” ou “y”, ensinando como usar o instrumento. Será que só existo eu de curiosa no mundo da moda/beleza?

A primeira patente de um “Curvex” que se tem notícia foi registrada em 1929 por Charles Stickel e William McDonnel em Nova York. Após uma revisão de patente em 1931, verificaram que seu verdadeiro inventor foi William Beldure, dono da Kurlash Company que detinha a licença para produzir e aprimorar o Kurlash (ele foi assim chamado) no Canadá, Estados Unidos e Grã-Bretanha.

A princípio os cílios serviam apenas para proteger os olhos contra a poeira do ar, mas há muito tempo que a vaidade feminina criou para ele uma função, diga-se de passagem, muito mais interessante: valorizar os olhos das mulheres.

O rímel todo mundo conhece, mas o Curvex é um instrumento que não deveria faltar na caixinha de maquiagem de nenhuma mulher. A princípio o objeto, que parece um instrumento de tortura, pode até assustar, mas depois de experimentar, não dá para ficar sem. É um aparelhinho que comprime os pêlos e, como o nome já diz, os deixam curvados para cima, dando uma forma ideal para os cílios mais rebeldes.

Para usá-lo é preciso alguns cuidados para não se machucar e nem correr o risco de ficar sem cílios.

O primeiro passo é certificar-se que os pêlos estejam limpos e secos. É indicado curvar os cílios superiores antes de passar o rímel, para não quebrar os fios, isso porque o produto pode ressecá-los, especialmente se for à prova d’água.
Existem modelos de Curvex em metal, mas quem não tem prática deve experimentar o de plástico, usado pela maioria dos maquiadores de moda. Um detalhe importante: o Curvex deve ser usado sempre em frente ao espelho, para não beliscar a pálpebra sem querer.

Para prolongar o efeito dos olhos de boneca use depois de aplicar o Curvex um rímel com volume, aqueles que têm o pincel mais gorducho.

Para deixá-los ainda mais curvados, passe o rímel nos fios só com a pontinha do pincel, de um lado para o outro, como se fosse um limpador de pára-brisas.

O Curvex também é muito útil para quem usa cílios postiços. O acessório deve ser usado nos cílios verdadeiros, pois ele ajuda na aplicação dos postiços.


Pesquisando em outros blog’s na internet, encontrei estas dicas sobre os cuidados a serem tomados com o curvex:

1.      Escolha um Curvex de uma marca respeitada, conhecida pelo respeito e qualidade que oferece aos consumidores;
2.      Fique atenta a "borrachinha" em que apóia os cílios durante o procedimento, pois se ela não estiver no lugar, você pode ter seus cílios cortados;
3.      No momento de pressionar o Curvex, não é necessário força, o importante é segurar firme por alguns segundos. Isso requer prática, você deve segurar com firmeza, sem fazer pressão,
4.      O efeito fica mais aparente quando você segura por pelos menos 15 segundos;
5.      Após o uso faça a limpeza com um lenço de papel ou pano úmido para retirar os possíveis resíduos de maquiagem e cílios que caem;
6.      Guarde o Curvex longe do calor excessivo, pois a "borrachinha" poderá ser danificada. E sem ela, você não poderá usá-lo;
7.      Não há dúvidas de que o Curvex irá melhorar sua maquiagem, principalmente se você não foi abençoada por um par de cílios de boneca;
8.      Desconfie de Curvex muito em conta, tipo R$1,99. Melhor não arriscar;
9.      Enquanto você ainda não tem o total domínio, pode treinar usando um desses nacionais que encontramos nas farmácias. Mas depois que já estiver craque, sugiro o famoso Eyelash Curler do Shu Uemura.
10. E por fim, não esqueça que aquela "borrachinha”, tem prazo de validade. Isso mesmo, ela perde a qualidade depois de algum tempo. Alguns vêm com refil, mas infelizmente, não há refil à venda, e é preciso substituí-lo.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigada por comentar sobre este post!

Comentário será liberado após moderação; caso faça agressão gratuita poderá ser excluído. Evite escrever em letras maiúsculas.

Beijinhos sabor chocolate! Paz em seu coração!

Aguardando a chegada de Otavio.

Aguardando a chegada de Otavio.
Abençoada seja sua vinda, meu filho!

Foto: meu amor Anderson

Foto: meu amor Anderson

Foto: pais Josedino e Conceição

Foto: pais Josedino e Conceição

botão redes sociais